Directivas da natureza da ue 2000

A directiva Atex UE define os requisitos básicos que desejam ser realizado por quaisquer produtos que são colocados em uso em áreas perigosas. Os padrões funcionais da diretiva estabelecem requisitos específicos. No âmbito de regulamentos internos implementados num dos Estados-Membros, são definidos requisitos que não são especificados nem pela directiva nem pelas normas internas. Os regulamentos internos não podem constituir uma diretiva não conforme, nem podem vincular-se ao reforço dos requisitos estabelecidos pela diretiva.

A diretiva Atex foi implementada para minimizar os riscos associados ao uso de qualquer material em áreas onde possa existir uma atmosfera explosiva.O fabricante assume total responsabilidade por determinar se um determinado produto está sujeito a avaliação em cooperação com os princípios da atex e por adaptar um determinado produto a essas normas.A aprovação da Atex é necessária para produtos que conhecem a superfície de um risco de explosão. A zona de perigo é o começo de um espaço onde compósitos, usa ou armazena substâncias que podem formar misturas explosivas em combinação com o ar. Em particular, as uniões de tais substâncias incluem: líquidos, gases, poeira e qualquer coisa inflamável. Estas podem ser, por exemplo, gasolinas, álcoois, hidrogénio, acetileno, pó de carvão, pó de madeira, pó de zinco.Para a explosão de pensamentos em um acidente, quanto da energia que flui de uma fonte efetiva de ignição entra em uma atmosfera explosiva. Após o início do incêndio, ele se aproxima de uma explosão que representa uma ameaça significativa à ação e à saúde humana.